top of page

Decorar ou não decorar: eis a questão!

Você sente que está apenas decorando uma porção de regras gramaticais e palavras enquanto aprende um novo idioma? Ou então, você já parou para pensar qual é a diferença entre decorar e aprender? Essa é uma das grandes questões que interessa a todas as pessoas em busca de uma tal fluência.


No artigo de hoje, entenderemos o que é "decorar" um assunto e como isso pode significar uma etapa importante na sua jornada rumo à fluência em um idioma ou em qualquer outro conteúdo que esteja estudando. Afinal, segundo um estudo em Psicologia do Desenvolvimento:


"A fluência verbal é um marcador das funções executivas, envolvendo a capacidade de busca e recuperação de dados, habilidades de organização, autorregulação e memória operacional (Silva et al., 2010)."

Logo, é possível afirmar que, se você é fluente em um conteúdo, você domina aquele conteúdo, fala

com propriedade e sabe explicá-lo para outra pessoa, que por acaso é uma das melhores formas de se aprender: ensinando alguém!



Agora, vamos ao que interessa, já que de fluência a TALKNTALK entende muito bem! Compartilho a seguir alguns pontos relevantes acerca da memorização enquanto técnica de aprendizagem.


Contextualização


Decorar/memorizar equivale a guardar uma informação por pouco tempo para resolver um problema. Assim, pode ser uma boa estratégia para aprender um idioma e se virar em situações corriqueiras em outro país, como pedir um pão na padaria ou as direções para o supermercado mais próximo. Contudo, isso não é o suficiente para viver plenamente em sociedade, relacionando-se com pessoas que falam uma língua diferente da sua língua nativa.


Nas imersões da TALKNTALK temos a oportunidade de colocar o nosso vocabulário à prova e expressar as nossas opiniões e vozes em um contexto propício para isso! Ao discutirmos um tópico em inglês, francês, italiano ou até mesmo mandarim (sendo esses alguns dos idiomas que a plataforma oferece), podemos entender como as palavras são usadas e o sentido que elas produzem em uma frase, facilitando a memorização. E, acredite se quiser: comunicar verbalmente o que você está pensando (o famoso "colocar para fora") é muito mais difícil que formar um argumento sólido em sua mente sobre determinada discussão.


Prática Ativa


Diante disso, devemos praticar ativamente o idioma para transformar um mero "decoreba" em aprendizado! Aprender, diferentemente de decorar ou memorizar, permite que você salve uma informação a longo prazo. E, ao praticar, como na conversação, por exemplo, você consegue acessar essa informação e ativá-la, de modo que será mais fácil de a resgatar em outro momento.


Constância


Por fim, mas não menos importante e, eu arrisco a dizer, o pilar mais importante — constância. A constância é a verdadeira chave que vai te levar ao progresso nas diferentes habilidades de um idioma. É lendo que você adquire um bom reading (leitura), é escrevendo que você obtém um bom writing (escrita), é ouvindo que você consegue um bom listening (escuta) e é falando que você conquista um bom speaking (fala). Todas essas habilidades se complementam, é claro. Uma pode auxiliar no desenvolvimento da outra, mas é somente se submetendo todos os dias à prática das chamadas "skills" (habilidades, traduzindo o termo do inglês) que você irá alcançar plenamente a fluência no idioma.


Porém, faço aqui uma ressalva: o aprendizado de uma nova língua não deve contemplar somente essas habilidades, mas trabalhar também competências inerentes à vivência em sociedade. Sendo assim, apenas decorar uma frase ou estrutura gramatical não será suficiente, por mais que possa ser um método usado no processo de aprendizagem. É necessário desenvolver inteligência emocional para lidar com os variados caminhos que uma conversa pode tomar!


Debater sobre um tema que você não tem familiaridade em português (ou na sua língua nativa) pode ser desafiador, mas discutir sobre um assunto simples e comum em outro idioma também! Por isso, eu sempre bato na mesma tecla: saia da sua zona de conforto hoje para alcançar o seu conforto e da sua família amanhã!


Aprender um novo idioma te abre portas inimagináveis, portanto, dê o primeiro passo agora! Esqueça o "tempo perdido", os cursos que você comprou e não fez... Experimente participar das imersões gratuitas oferecidas pela TALKNTALK e inicie sua jornada rumo à fluência!


E você, quais desafios você já enfrentou no aprendizado de idiomas? Sabia a diferença entre decorar e aprender?


Compartilhe sua experiência conosco nos comentários abaixo!


Eu te espero na próxima imersão da TALKNTALK, agende aqui:  https://www.talkntalk.com.br/booking

47 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários

Avaliado com 0 de 5 estrelas.
Ainda sem avaliações

Adicione uma avaliação
bottom of page