top of page

A importância de existirem ambientes seguros para mulheres

Com o mundo digital cada vez mais presente na vida das pessoas, a preocupação com estar em um ambiente virtual seguro se tornou recorrente na vida do ser humano, em especial as mulheres, que vem demonstrando dia após dia a importância de poder se sentir a vontade e segura para trabalhar virtualmente ou principalmente estudar.


Infelizmente toda mulher, seja que qual idade for, já sofreu ou presenciou um assedio, segundo o Tribunal superior do trabalho são registrados, por dia, uma média de 220 casos de assédio moral e sexual e quando levamos isso para o mundo virtual, onde ainda precisamos lidar com a desvantagem do outro poder se esconder atrás da uma tela, esses números se tornam ainda mais chocante.


Em paralelo a esse crescimento vil, temos as rodas de conversas exclusivamente femininas, ou que aceitem homens mas com uma tolerância zero para qualquer tipo de assedio, e até mesmo empresas, que notaram a necessidade de proporcionar esses ambientes para que as mulheres, de qualquer idade, possam se sentir respeitadas e a vontade para se dedicar inteiramente ao estudo, sem que tropecem em um assediador a cada momento.

Quando pensamos nesses espaços seguros precisamos ir além da geografia e pensar em englobar o máximo de ambientes que consigamos, haja vista que com o home office e diversos cursos realizados de forma online, tendo isso sendo potencializado pela pandemia do Covid-19, são ambientes que vão muito além do espaço geográfico, mas ainda assim merecem e precisam de uma atenção mais apurada.


Para grupos de minorias, onde as mulheres estão inseridas mesmo que seja grande parte da população, esses ambientes são necessários para protege-las não somente fisicamente, mas também psicologicamente.


Podemos elencar, por exemplo, a discriminação que uma mulher sofre por apenas ser mulher, tendo sua inteligência e capacidade subjugadas ou muitas vezes totalmente ignoradas unicamente por ter nascido do sexo feminino. Um dos grandes exemplos que vemos em todos os lugares e é de conhecimento geral, mas poucos fazem algo para mudar, é a falta de equidade salarial. Mulheres competentes, mas que recebem 22% menos que os homens que possuem o mesmo cargo e competência, mais uma vez sem uma explicação plausível, além do fato de se tratar de uma mulher.

E quando levamos nosso olhar a cursos majoritariamente frequentados por homens, que somente lotam essas salas por serem estimulados a isso desde bebês, vemos o quanto a ausência de politicas de combate a misoginia é escancarada para qualquer um ver e confirmada pela alta taxa de evasão dessas mulheres desses cursos e com isso perdendo a oportunidade de ter mulheres incríveis nessa área, unicamente por misoginia.


Por isso, proporcionar um ambiente seguro, para mulheres e todas as outras minorias, é de extrema importância e urgência e não só pode, como deve, ser feito por toda a população. Seja em um curso de idiomas, em uma universidade publica ou particular, ou em ambientes de convívio social e a trabalho, precisa ser uma missão de todos acolher e prover a essas mulheres um ambiente seguro.


Participe da plataforma da TALKNTALK e tenha esse ambiente seguro para você se comunicar, além da organização e temáticas importantes para o desenvolvimento da inteligência social.

28 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page